Busca: 

Apelido:

Senha:


Esqueci minha senha
 
  Área do autor

Publique seu texto

Cãimbra do escrivão, a deficiência, o deficiente e a felicidade.

Como portadora da cãimbra do escrivão, entendo que, a partir do momento que compreendemos, mesmo que em linhas gerais, a natureza biológica do problema e a condição em que a Ciência se encontra diante dele, podemos nos posicionar com atitudes e pensamentos para descobrir formas de sermos felizes, o que, acredito, deveria ser o objetivo principal de cada ser humano. Para sermos felizes, precisamos ser produtivos, fazendo parte da sociedade de maneira contributiva. Li muitos trabalhos científicos até entender bem o que é esta condição e as escolhas que temos diante dela. Talvez por ser bióloga, percebi logo, um ano antes do meu diagnóstico, em meados de 2001, que não era um problema ortopédico. Fui direto a um neurologista, que me encaminhou para outro e para outro... (leia mais)

Maristela Zamoner




Aos dez anos

O irmão chegou com uma novidade: se ela colocasse um fio de cabelo dentro de um vidro cheio d’água e tampasse bem tampado, ele se transformaria em uma cobra. - Mas tem que ser com a raiz, disse. Porque ela é que vai ser a cabeça da cobra. E tem mais – não pode ficar dentro de casa. Tem que ficar no chão, perto da terra. Arrancou o fio de cabelo mais comprido que encontrou, com raiz e tudo. Colocou num vidro, tampou bem tampado, colocou no chão embaixo de uma mangueira e ficou esperando. - Já tem três dias e não tô vendo nada mudar... - Calma, né? - Quem disse pra você que cabelo vira cobra? - O Betinho. Ele disse que a vó dele disse que um irmão dela fez isso e virou cobra. - Ah!... Outros tantos dias,... (leia mais)

Isis Berlinck Renault




Default



   > José Herculano da Nóbrega

  AUTOR  
 
José Herculano da Nóbrega

                                                         Biografia

 

José Herculano da Nóbrega nasceu no dia 06 de janeiro do ano de 1943, na cidade de Juazeiro do Norte, Ceará. O interesse pela literatura surgiu no curso ginasial em 1965, quando começou a escrever as primeiras quadrinhas. A poesia passou a distrair a alma. Cinco anos após estava em Manaus. Constituiu família e continuou desenvolvendo o seu gosto pela poesia, o encanto íntimo do Ser. Somente em 2008 editou o primeiro Livro: Alma, Deslumbre & Poesia. Com a alegria dos   netos e do segundo livro, Carta de Deus: Ao Homem do Planeta Terra... O autor vibra com o que acontece na Hipóstase Social e admira mesmo distante de uma nova sociedade.   Esperando a compreensão e a união na Sociedade Futura, é o desejo. O terceiro livro em 2012, com o título Presenciar Haicai Sazonal Brasileiro. No secreto do trabalho. Agora o foco principal é editar estes novos livros inéditos, que são: Enjaula Poesia, Haicai – Aqui e o Romance - Filho na Terra Criado nas Estrelas.

 

Manaus, 21/9/2015

José Herculano da Nóbrega