Busca: 

Apelido:

Senha:


Esqueci minha senha
 
  Área do autor

Publique seu texto

MINHA PRIMEIRA COMUNHÃO

Tinha quase nove anos. Fui criada na religião católica. Meus pais eram muito religiosos. Quando se aproximava o Natal, eles promoviam lá em casa uma novena. Além da família, os vizinhos também participavam. Após a novena, eu me sentava ao piano e tocava várias músicas sacras, inclusive a Ave Maria de Schubert. Todos me aplaudiam, dizendo que eu executava com técnica e sentimento as partituras. Quando completei meus nove anos, minha mãe me informou que a Diretora da minha escola, Da. Neide Arruda Leal, desejava que seus alunos da terceira série fizessem a preparação para a primeira Comunhão com as catequistas da Igreja... (leia mais)

IVETE FLORES CATTA PRETA RAMOS




DIREITOS CULTURAIS EM PERSPECTIVA: A FAVOR OU CONTRA?

A 10 de dezembro de 1948 era adotada e proclamada a resolução 217 A (III), pela Assembléia Geral das Nações Unidas. A Declaração Universal dos Direitos Humanos encontra-se traduzida em mais de 300 línguas em seu site oficial (www...) O texto pode ser impresso e arquivado. Vivido? Este o problema maior... A questão da efetiva observância de tais direitos tem sido discutida e analisada, mas há pontos polêmicos, específicos, delicados. E os impasses tornam-se ainda maiores no tocante aos direitos culturais... O que são, afinal, os Direitos Humanos? Por acaso uma definição e uma observância mais satisfatórias destes direitos contribuiriam para melhorar a sorte de seres humanos que vivem situações de injustiças? Isto lhes garantiria uma melhor... (leia mais)

Tânia Gabrielli-Pohlmann




Default



   > Maicon Martta

  AUTOR  
 
Maicon Martta

O professor Maicon Martta é Bacharel em Filosofia pela Universidade de Caxias do Sul, é Pós-graduado em Docência do Ensino Superior pela Faculdade Salesiana de Santa Teresa. Possui especialização em Ensino e Aprendizagem da Geografia pela Universidade Católica de Brasília e em Metodologia de Ensino de Filosofia e Sociologia pelo Centro Universitário Leonardo da Vinci.

Atualmente é professor EBTT do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso do Sul (IFMS) onde leciona Filosofia para nivel o técnico integrado e para o Superior. Pesquisa temas transversais sobre Ética, Trabalho e Filosofia Política, Educação, Antropologia Filosófica, Estética, Religião e Mitologia Comparada. 

 

 Pela editora Protexto publicou também Ética e Liberdade em Spinoza (2013) e Pensamentos de Ontem para Depois de Amanhã (2014).