Busca: 

Apelido:

Senha:


Esqueci minha senha
 
  Área do autor

Publique seu texto

O MERGULHO

Aquele brusco tremor o impulsionou violentamente para trás. Já sentira isso há muito tempo, quando inadvertidamente, colocara o dedo no bocal de uma lâmpada. Experiência assustadora! Alguma coisa entrara subitamente em seu corpo. Ao mesmo tempo em que, num ato reflexo, puxara a mão de volta, sentira uma contraditória atração. Queria levar outro choque! Quantas vezes, ao ver um bocal sem lâmpada, sentira novamente aquela estranha tentação. Sempre resistiu bravamente. Agora, contudo, num misto de sofrimento e prazer, toda aquela sensação se repetia e nada tinha a ver com o choque elétrico! Letras. Palavras. Livros. Depois que dominara as letras, passara a admirar as palavras. Ficava horas, olhando e pensando nelas. Letras sem sentido adquiriam uma espécie de vida... (leia mais)

Airo Zamoner




REBELDIA

- Espere aí! Você não está querendo dizer que o que me falta é rebeldia, está? - Estou! - Isso é inacreditável! Tive uma vida regrada. Tudo certinho no lugar. Me formei, fiz mestrado, doutorado, pós-doutorado e trabalho diuturnamente em pesquisas vitais para a humanidade... Não sou estúpido pra jogar tudo isso pro alto! - Estou tentando ajudar a explicar essa sua sensação... Você está aqui agora, em pleno horário de expediente, sentado comigo neste banco público... Por quê? - Já disse antes! Não me sinto bem! - E o médico? - Não é coisa de médico... - Então, voltamos ao início. Vou falar agora com todas as... (leia mais)

Airo Zamoner




Default



   > David Rodrigues Silva Neves

  AUTOR  
 
David Rodrigues Silva Neves
Nasci em Cruzeiro-SP em 1984, mas passei minha adolescência em Pindamonhangaba e Taubaté, no Vale do Paraíba, entre a serra da Mantiqueira e a do mar. Conclui o curso de História em 2006 na Universidade de Taubaté e o Mestrado em 2013 na PUC-SP. Minhas pesquisas se basearam tanto na instalação dos campos de concentração no Brasil como no desconhecido Tribunal de Segurança Nacional (1936-1945). Atualmente, aprofundo meus estudos, na qualidade de aluno do curso de Doutorado em História na Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP), além de lecionar na Escola Pública de São Paulo. No tempo livre me dedico a escrever contos e poesias para públicos variados. Já publiquei, por essa mesma editora, a obra: A noite que não acaba (poesias).