Busca: 

Apelido:

Senha:


Esqueci minha senha
 
  Área do autor

Publique seu texto

Aos dez anos

O irmão chegou com uma novidade: se ela colocasse um fio de cabelo dentro de um vidro cheio d’água e tampasse bem tampado, ele se transformaria em uma cobra. - Mas tem que ser com a raiz, disse. Porque ela é que vai ser a cabeça da cobra. E tem mais – não pode ficar dentro de casa. Tem que ficar no chão, perto da terra. Arrancou o fio de cabelo mais comprido que encontrou, com raiz e tudo. Colocou num vidro, tampou bem tampado, colocou no chão embaixo de uma mangueira e ficou esperando. - Já tem três dias e não tô vendo nada mudar... - Calma, né? - Quem disse pra você que cabelo vira cobra? - O Betinho. Ele disse que a vó dele disse que um irmão dela fez isso e virou cobra. - Ah!... Outros tantos dias,... (leia mais)

Isis Berlinck Renault




Mãe... nhe! Engoliram o papai!!

– Com Deus me deito, com Deus me levanto... “Eu SEI que é ele que está lá... Fica lá, só me olhando...” – Com a graça de Deus e do Divino Espírito Santo. “ Por que ele num vai embora?...” – Ave Maria cheia de graça... “Mamãe não tinha nada de mudar pra essa casa cheia de fantasmas... João fica dizendo que eu sou medroso, que fantasma não existe... Não existe uma ova... E aquele alí?” – O Senhor é convosco... “Como é que na outra casa eu não via nada? Essa casa é mal-assombrada, sim senhor... Ai, meu Deus, olha ele lá outra vez... Me olhando com aqueles olhos sem cara...” – Rogai por nós pecadores... “Vou tampar o rosto...” – Agora e na hora... “Tou escutando uns passos... É ele que... (leia mais)

Isis Berlinck Renault




Default



   > CARLOS MAMBUCABA

  AUTOR  
 
CARLOS MAMBUCABA

O autor: José Carlos de Almeida- Pseudônimo: Carlos Mambucaba. 

Nasceu no Rio de Janeiro na Baixada Fluminense, viveu sua

infância em Campo Grande, Zona Oeste do Rio de Janeiro- Brasil.

Por gostar muito de literatura desde de jovem, sempre gostou de passar seu tempo livre dentro de uma biblioteca. 

Hoje, com quarenta e sete anos de idade é um escritor eclético, não se prende a nenhum gênero. Sua obra, já ultrapassa aos quinhentos textos.  O autor quando interrogado, diz que gosta de tudo que escreve, mas, tem uma queda especial pelo o infantil- infanto juvenil e agora arrisca-se em um romance.   Mora há vinte anos em Angra dos Reis com sua família.  Tem um filho chamado Herculys com vinte anos e uma filha chamada Ohana, com dezoito.  A sua esposa Maria é a sua grande Inspiração pra escrever, assim confirmado veemente pelo autor.