Busca: 

Apelido:

Senha:


Esqueci minha senha
 
  Área do autor

Publique seu texto

O DEMÔNIO E O ELEITO

Fez um pacto, uma coligação com o Demônio e ganhou as eleições. Festejou. O Demônio veio cobrar a dívida. Foi chegando perto do Eleito. Cutucou suas costas. O Eleito olhou para trás: – O que você quer? Tinha um tom de aspereza na fala dura. – O que é isso? Não se lembra de mim? – Você acha que vou me lembrar de todo mundo? Não vê que fui eleito com milhões de votos? Milhões, entendeu? Sabe o que é isso? Milhões! Não vê minhas ocupações diárias? Nem sei como você passou por minha segurança, por minha assessoria e tem a ousadia de me cutucar pelas costas. Vou chamar minha guarda pessoal! – Calma! Não imaginei que você se esqueceria de quem permitiu sua vitória... – Saia pra lá. Qual é a graça, agora? – Não é graça nenhuma. Você fez uma... (leia mais)

Airo Zamoner




MINHA PRIMEIRA COMUNHÃO

Tinha quase nove anos. Fui criada na religião católica. Meus pais eram muito religiosos. Quando se aproximava o Natal, eles promoviam lá em casa uma novena. Além da família, os vizinhos também participavam. Após a novena, eu me sentava ao piano e tocava várias músicas sacras, inclusive a Ave Maria de Schubert. Todos me aplaudiam, dizendo que eu executava com técnica e sentimento as partituras. Quando completei meus nove anos, minha mãe me informou que a Diretora da minha escola, Da. Neide Arruda Leal, desejava que seus alunos da terceira série fizessem a preparação para a primeira Comunhão com as catequistas da Igreja... (leia mais)

IVETE FLORES CATTA PRETA RAMOS




Default



   > Simone Costa

  AUTOR  
 
Simone Costa

Desde criança tive curiosidade no outro lado da história. No como seria se não tivesse sido…

Sempre quis inventar – ou propor – outros finais, outras soluções, outros caminhos, outros olhares. Acredito que tenha sido ai o meu primeiro encontro com “esta escritora”  que desde sempre esteve aqui.

Percebi, bem mais tarde, que “esse interagir” com a vida, com as pessoas, com os escritores, com personagens – reais ou não, poderia me render prazer. Este foi o meu segundo – e definitivo – encontro comigo mesma. Desde então brinco de escrever com seriedade.

Não pretendo ser decifrada.

Quero apenas ser lida e criticada.

Simone Costa nasceu no Rio de Janeiro em 1966 e há 10 anos escolheu São Paulo para viver.

Atualmente é Editora da Web REVISTA CONTEMPORÂNEA, uma publicação participativa sobre literatura, cultura, artes e entretenimento.