Busca: 

Apelido:

Senha:


Esqueci minha senha
 
  Área do autor

Publique seu texto

Literatura Paranaense - Provocações Provocações

Teve alguém que disse: “Ou o poeta mata o soneto ou o soneto acaba com a poesia”. E não foi com tal radicalismo que se chegou ao bom poema de nossos dias. Vivem e convivem: quadras, sonetos, sextilhas, trovas, décimas, poesias livres e sem rimas, haicai... Só o féretro da antipoesia deve passar sem o acompanhamento de leitores. A arte é da vanguarda porque rompe o entrave de regimes e ideologias, e o Modernismo é um movimento de vanguarda, por excelência. Aos escritores, artistas e poetas cabe a responsabilidade de guiar os povos, restaurando valores, porque o entulho destrói a sociedade e, isto tem muita importância num mundo aético, de valores invertidos, espalhando e espelhando formas de anticultura. Já virou modismo representar a miséria e, dói-nos dizer, chegam a... (leia mais)

Carlos Zatti




Encerra-se a primeira turma de pós-graduação em dança de salão com magnífica produção científica.

Para a dança de salão brasileira, o ano de 2005 é um divisor de águas. A partir desta data, começa a educação formal na área, o que se deve à abertura da primeira turma de pós-graduação em dança de salão, na Faculdade Metropolitana de Curitiba - FAMEC. O curso tem duas coordenadoras, uma das quais, conhecida por fazer parte do âmbito da dança há muito tempo: Gracinha Araújo. Devido a uma vida dedicada à dança clássica, enfrentou os preconceitos vigentes no meio da dança de salão, superando as dificuldades. Com Abigail Carneiro, tornou realidade, de maneira pioneira, o que muitos só sonharam. O resultado... (leia mais)

Maristela Zamoner




Default



   > JORGE ANDERSON SILVA

  AUTOR  
 
JORGE ANDERSON SILVA
Jorge Anderson Silva, nasceu na cidade de Belo Horizonte, Minas Gerais, no dia 13 de março de 1967. É o filho primogênito de: Jorge de Oliveira Silva e Maria Lavarini Silva. Estudou durante 15 anos na AMR  (Associação Mineira de Reabilitação), devida a sua deficiência física, (falta de coordenação motora). Desde a adolecência iniciou-se a plática de escrever, compondo várias canções e formando inúmeras parcerias com outros compositores, até surgir a ideia de escrever o seu primeiro Romance. Em 1988, candidatou-se a um cargo de vereador no município de Bonfim MG, onde frequenta desde a infância. Em 1998, participou do extinto  programa "Concurso de Paródias", pruduzido pelo SBT, ficando em 1º Lugar. Atualmente é aposentado e dedica boa parte do seu tempo escrevendo.