Busca: 

Apelido:

Senha:


Esqueci minha senha
 
  Área do autor

Publique seu texto

O MERGULHO

Aquele brusco tremor o impulsionou violentamente para trás. Já sentira isso há muito tempo, quando inadvertidamente, colocara o dedo no bocal de uma lâmpada. Experiência assustadora! Alguma coisa entrara subitamente em seu corpo. Ao mesmo tempo em que, num ato reflexo, puxara a mão de volta, sentira uma contraditória atração. Queria levar outro choque! Quantas vezes, ao ver um bocal sem lâmpada, sentira novamente aquela estranha tentação. Sempre resistiu bravamente. Agora, contudo, num misto de sofrimento e prazer, toda aquela sensação se repetia e nada tinha a ver com o choque elétrico! Letras. Palavras. Livros. Depois que dominara as letras, passara a admirar as palavras. Ficava horas, olhando e pensando nelas. Letras sem sentido adquiriam uma espécie de vida... (leia mais)

Airo Zamoner




Literatura Paranaense - Provocações Provocações

Teve alguém que disse: “Ou o poeta mata o soneto ou o soneto acaba com a poesia”. E não foi com tal radicalismo que se chegou ao bom poema de nossos dias. Vivem e convivem: quadras, sonetos, sextilhas, trovas, décimas, poesias livres e sem rimas, haicai... Só o féretro da antipoesia deve passar sem o acompanhamento de leitores. A arte é da vanguarda porque rompe o entrave de regimes e ideologias, e o Modernismo é um movimento de vanguarda, por excelência. Aos escritores, artistas e poetas cabe a responsabilidade de guiar os povos, restaurando valores, porque o entulho destrói a sociedade e, isto tem muita importância num mundo aético, de valores invertidos, espalhando e espelhando formas de anticultura. Já virou modismo representar a miséria e, dói-nos dizer, chegam a... (leia mais)

Carlos Zatti




Default



   > Adryan Krysnamurt Edin da Luz

  AUTOR  
 
Adryan Krysnamurt Edin da Luz

Eu, Ádryan Krysnamurt Edin, 26, nasci em Curitiba, fui criado e doutrinado desde o berço nos caminhos do Senhor. O meu chamamento se dá como preletor da Palavra, cantor e músico de diversos instrumentos, mas o que mais amo mesmo, é o ministério de ensino. A grande maioria da minha família pertence a Assembléia de Deus. Meu saudoso bisavô e minha querida e também saudosa bisavó ganharam centenas e centenas de almas quando pertenciam a Presbiteriana Renovada, depois, Batista Independente e por último Assembléia de Deus. Meu bisavô fundou várias igrejas, como em São João do Triunfo (PR) e Ponta Grossa (PR). Foi também enviado pelo caríssimo pastor José Pimentel de Carvalho como missionário ao campo de Palmeira, São João do Triunfo e região, realizando um trabalho próspero, que hoje se confirma. Do outro lado ainda, minha genealogia traz nas veias o sangue sueco, como dos missionários Daniel Berg e Gunnar Vingren, pois meus outros bisavós eram suecos e crentes fervorosos no Senhor. - Eu quero Uma Igreja.