Busca: 

Apelido:

Senha:


Esqueci minha senha
 
  Área do autor

Publique seu texto

“D” DE “DEUTSCHLAND”, POR QUE, ENTÃO, “ALEMANHA”???

Uma tradução de Tânia Gabrielli-Pohlmann “D” = “Deutschland”? Que coisa estranha! Quem fala português, diz “Alemanha”; em espanhol este país se chama “Alemaña”; aqueles que falam inglês, adotaram o termo “Germany” e quando se vai para o Leste Europeu, o “Schwabo” é que designa o cidadão alemão. Mas o que se vê nas placas de automóveis alemães é a letra “D” indicando “Deutschland”. Por quê? De onde vêm tantos termos diferentes para indicar um único país? A língua alemã e o povo alemão formaram-se, basicamente, através de diferentes grupos étnicos, tendo cada qual sua língua. A existência de registros escritos em língua alemã remonta ao Século VIII d.C.. A língua oficial era o latim, mas o povo se comunicava em seus... (leia mais)

Clemens Maria Pohlmann




A EDUCAÇÃO

A EDUCAÇÃO É REALMENTE RESPONSABILIDADE EXCLUSIVA DO GOVERNO? Lendo o discurso de posse do atual Ministro da Educação, Cristovam Buarque, que já antes de sua nomeação havia-me enviado muitos artigos a respeito de seus projetos sociais especialmente dedicados à educação, não posso deixar de pensar nas tantas atividades que vêm sendo desenvolvidas no Brasil independente e paralelamente ao setor público. Atividades, inclusive, que não recebem qualquer apoio financeiro externo além da colaboração voluntária de integrantes, sejam eles pertencentes a grupos religiosos ou simplesmente grupos de amigos conscientes de seu papel social. Se a nossa sociedade tem nos mostrado a urgência de uma reestruturação no sistema de educação, o que se pode fazer de imediato,... (leia mais)

Tânia Gabrielli-Pohlmann




Default



   > Adryan Krysnamurt Edin da Luz

  AUTOR  
 
Adryan Krysnamurt Edin da Luz

Eu, Ádryan Krysnamurt Edin, 26, nasci em Curitiba, fui criado e doutrinado desde o berço nos caminhos do Senhor. O meu chamamento se dá como preletor da Palavra, cantor e músico de diversos instrumentos, mas o que mais amo mesmo, é o ministério de ensino. A grande maioria da minha família pertence a Assembléia de Deus. Meu saudoso bisavô e minha querida e também saudosa bisavó ganharam centenas e centenas de almas quando pertenciam a Presbiteriana Renovada, depois, Batista Independente e por último Assembléia de Deus. Meu bisavô fundou várias igrejas, como em São João do Triunfo (PR) e Ponta Grossa (PR). Foi também enviado pelo caríssimo pastor José Pimentel de Carvalho como missionário ao campo de Palmeira, São João do Triunfo e região, realizando um trabalho próspero, que hoje se confirma. Do outro lado ainda, minha genealogia traz nas veias o sangue sueco, como dos missionários Daniel Berg e Gunnar Vingren, pois meus outros bisavós eram suecos e crentes fervorosos no Senhor. - Eu quero Uma Igreja.