Busca: 

Apelido:

Senha:


Esqueci minha senha
 
  Área do autor

Publique seu texto
  Gêneros dos textos  
  Artigos (641)  
  Contos (940)  
  Crônicas (724)  
  Ensaios (169)  
  Entrevistas (35)  
  Infantil (207)  
  Pensamentos (651)  
  Poesias (2526)  
  Resenhas (129)  

 
 
Abstrato-02-600
Airo Zamoner
R$ 104,00
(A Vista)



Paisagens-01-012
Airo Zamoner
R$ 104,00
(A Vista)






   > O Retorno da Professora Maria!



Djalma Miranda dos Santos
      CRôNICAS

O Retorno da Professora Maria!

                             O RETORNO DA PROFESSORA MARIA
 
 
Maria retornou hoje (08/02/07) ao Colégio. Segundo me contou, um pouco desconfiada, pisando em falso, meio sem jeito, a fim de enfrentar toda a escola, colegas e novos administradores, para começar o  seu último ano letivo antes da sonhada aposentadoria. Cumprimentos aqui, beijinhos ali, perguntinhas de lá, fofoquinhas pra cá e eis que começa a reunião pedagógica, previamente acertada, quando todos os professores são reunidos para tomar ciência de suas tarefas para o ano. 
                         Com a palavra o gerente administrativo do Colégio, Sr. Malaquias, que comentou vários assuntos concernentes aos propósitos e objetivos da escola em 2007, sendo que ao final de sua palestra, pediu licença aos presentes para comentar sobre o erro cometido pelo Colégio contra a prof. Maria. Comentou publicamente o episódio e pediu desculpas pela falha, assegurando que a professora está reintegrada ao quadro de funcionários do JB, pelo seu desempenho profissional, voltando a lecionar normalmente na próxima segunda-feira. 
                       A Maria que não esperava aquele desagravo ficou bastante contente e emocionada, chegando às lágrimas, pois sentiu que realmente a sua alegria voltava, sentindo-se recompensada pelos maus momentos vividos pouco antes do Natal, quando por 48 horas esteve fora do Colégio, injustamente, diga-se de passagem, devido ao despreparo de toda a cúpula administrativa e seus gestores.
                      Como bem disse, a República Juliana fez de Laguna, capital do Estado de Santa Catarina, por 24 horas; ela desceu do “trono” por 48 horas, sendo reconduzida com honra ao lugar que sempre lhe pertenceu (por mérito) e jamais poderia lhe ser tirado, de maneira tão arbitrária. 
De agora em diante, vai agir com diplomacia, sempre com um pé atrás, especialmente com suas “amigas”, pois, de acordo com um ditado mineiro “gato escaldado tem medo de água fria”. 
                     Que esses dissabores passem Mariazinha, pois o que não pode nunca passar é a sua ALEGRIA DE VIVER! 
       
  Djalma Miranda dos Santos - 2007


CADASTRE-SE GRATUITAMENTE
Você poderá votar e deixar sua opinião sobre este texto. Para isso, basta informar seu apelido e sua senha na parte superior esquerda da página. Se você ainda não estiver cadastrado, cadastre-se gratuitamente clicando aqui