Busca: 

Apelido:

Senha:


Esqueci minha senha
 
  Área do autor

Publique seu texto
  Gêneros dos textos  
  Artigos (653)  
  Contos (939)  
  Crônicas (730)  
  Ensaios (169)  
  Entrevistas (35)  
  Infantil (204)  
  Pensamentos (643)  
  Poesias (2504)  
  Resenhas (129)  

 
 
Os filhos di dora
Carlos Augusto Vieira
R$ 67,40
(A Vista)



Catálogo2015-P&B
Airo Zamoner
R$ 13,40
(A Vista)
INDISPONÍVEL




   > SONHO SIDERAL



GERALDO DE CASTRO PEREIRA
      POESIAS

SONHO SIDERAL

 
Sonho, sem saber se sonho,
Um sonho sideral.
.
Vivo sonambúlico,
Pairado no ar.
`As vezes, perambulo
Anoréxico ou abúlico,
Fugindo deste sonho -
Esse monstro medonho
Que me persegue sem cessar.
 
É um sonho de louco,
Louco sonho sofrido,
Quase um palhaço
Em cima do trapézio
Do meu Ser indefinido.
Preciso ter nervos de aço,
Para dele me afastar.
 
Sonho de louco,
Alguém deve me acordar!
 


CADASTRE-SE GRATUITAMENTE
Você poderá votar e deixar sua opinião sobre este texto. Para isso, basta informar seu apelido e sua senha na parte superior esquerda da página. Se você ainda não estiver cadastrado, cadastre-se gratuitamente clicando aqui