Busca: 

Apelido:

Senha:


Esqueci minha senha
 
  Área do autor

Publique seu texto
  Gêneros dos textos  
  Artigos (651)  
  Contos (939)  
  Crônicas (730)  
  Ensaios (169)  
  Entrevistas (35)  
  Infantil (204)  
  Pensamentos (640)  
  Poesias (2501)  
  Resenhas (129)  

 
 
Vim te contar vinte...
Airo Zamoner
R$ 39,70
(A Vista)



R$ 18,90
(A Vista)
INDISPONÍVEL




   > QUANTOS IDIOTAS HÁ NO BRASIL



Luiz C. Lessa Alves
      RESENHAS

QUANTOS IDIOTAS HÁ NO BRASIL

QUANTOS IDIOTAS HÁ NO BRASIL
 
Estava com amigos conversando sobre políticos e política. Discutíamos como ia ficar o nosso país estes quatros anos vindouros, estando o pendão brasileiro, pela primeira vez na história desta nação, aos cuidados de uma presidenta, quando alguém confessa:  
- Eu nem parei para pensar nisso! Mas, de uma coisa tenho certeza: em breve saberemos, pela décima primeira vez, quantos idiotas existe no Brasil este ano de 2011.
Surpresos com tal afirmativa, perguntamos-lhe qual era a fonte da pesquisa, e como ela ia chegar a um quantitativo desse gênero. Não negamos, porém, ignorarmos as dez pesquisas anteriores.   
            Habilmente, ele nos conduziu por trilhas negras que muitos desconheciam. Seguimo-lo como dedicados bandeirantes obedecem a seu guia.
            Durante o percurso, ele nos mostrou outros lados da vida que, por não terem brilho nem grandeza, a gente fecha os olhos para não observá-los. Vimos crianças comendo biscoito feito de barro, para não morrerem de fome. Aborígines entregues à própria sorte, vivendo das migalhas que a terra hostil lhes concede: vísceras de pequenos animais caçados, insetos, raízes, folhas e alguns frutos silvestres. Em muitos países da África a escassez é tamanha que o povo nem argila para fazer o pão, nem invertebrado tem para saciar a fome. Vimos até, em determinada região, animais herbívoros comendo as “próprias” fezes para, então, sobreviverem.
            Ele nos instigou a assistir a toda essa miséria espalhada pelos continentes. Dando uma paradinha, nos perguntou se tínhamos hábito de procurar saber, através dos meios de comunicação como andam as coisas pelo mundo afora. Em ver negatividade na maioria das respostas, encarando a todos com ar de indignação, ressaltou:
             - E vocês, sem nada conhecer do mundo e muito pouco da vida têm coragem de discutir sobre coisa tão complexa como é a política!  
Depois ele afirmou que, apesar de tudo, aquela gente tinha mais dignidade do que muitas pessoas aqui no Brasil; onde idiotas de barriga cheia comem rindo excremento de “terceiros”.
Então alguém do grupo fez a pergunta que ele, intencionalmente, o induziu a lembrá-la:
- Afinal você nos conduziu a tantos lugares, nos mostrou muitas coisas, mas, não respondeu, ainda, como vamos saber quantos idiotas tem no Brasil, este ano de 2011!
Ele, então respondeu:
- Todos nós saberemos, logo que saírem os números de votos do último “Paredão” Big Brother 11!
 
Luiz Carlos Lessa Alves
 



CADASTRE-SE GRATUITAMENTE
Você poderá votar e deixar sua opinião sobre este texto. Para isso, basta informar seu apelido e sua senha na parte superior esquerda da página. Se você ainda não estiver cadastrado, cadastre-se gratuitamente clicando aqui