Busca: 

Apelido:

Senha:


Esqueci minha senha
 
  Área do autor

Publique seu texto
  Gêneros dos textos  
  Artigos (655)  
  Contos (940)  
  Crônicas (730)  
  Ensaios (169)  
  Entrevistas (35)  
  Infantil (207)  
  Pensamentos (645)  
  Poesias (2508)  
  Resenhas (130)  

 
 
O SEGREDO DA PEDRA AZUL...
JORGE ANDERSON SILVA
R$ 56,10
(A Vista)



Ruínas-03-332
Airo Zamoner
R$ 104,00
(A Vista)






   > A FADINHA AZUL.



Marlene Santos
      INFANTIL

A FADINHA AZUL.

A Fadinha Azul vivia lá nos lados do Sul
Diziam que ela era uma fada madrinha
E que fazia os sonhos virarem realidade.
Em uma cidade do Norte
Morava uma menina que achava que não tinha sorte.
Essa menina era uma menina muito impaciente
E vivia reclamando da vida.
Um dia ela resolveu ir atrás da Fadinha Azul
E seguiu viagem para o Sul.
Chegando ao Sul ela percorreu várias cidades
Em busca da Fadinha azul.
Já estava desanimada quando um dia foi despertada
Por um vento forte
Esse vento vinha do Norte
E trazia um recado para ela
Que depois de ouvir o recado ficou amarela
E quase desmaiou.
O vento lhe contou que assim que ela saiu de casa
A Fadinha Azul lhe procurou
Mas, não lhe achou.
O vento disse que a Fadinha azul foi para o Norte
Para lhe entregar a sua sorte
E como ela não estava lá
Seguiu levando a sorte para outro lugar.
a menina começou a chorar e pensou:
-Se eu tivesse sido
Um pouquinho mais paciente
Receberia o meu presente!
-Se eu tivesse ficado no Norte
Encontraria a Fadinha azul e com ela a minha sorte!
-Agora não sei o que fazer
Se volto para lá
Ou se fico aqui a esperar!
Então decidiu voltar para a sua casa no Norte
Para esperar a sorte.
Pois aprendeu que ter paciência é o que importa
Porque quando menos se espera a sorte bate em nossa porta.




CADASTRE-SE GRATUITAMENTE
Você poderá votar e deixar sua opinião sobre este texto. Para isso, basta informar seu apelido e sua senha na parte superior esquerda da página. Se você ainda não estiver cadastrado, cadastre-se gratuitamente clicando aqui