Busca: 

Apelido:

Senha:


Esqueci minha senha
 
  Área do autor

Publique seu texto
  Gêneros dos textos  
  Artigos (641)  
  Contos (942)  
  Crônicas (726)  
  Ensaios (169)  
  Entrevistas (35)  
  Infantil (217)  
  Pensamentos (651)  
  Poesias (2532)  
  Resenhas (131)  

 
 
A Caçada do Tatu
José Daniel Deodoro
R$ 41,90
(A Vista)
INDISPONÍVEL

Abrindo a caixa preta...
Silmara Aparecida Lopes
R$ 38,50
(A Vista)






   > Tentativa de Cura da Homossexualidade



Jurcimá da Penha Soares
      ARTIGOS

Tentativa de Cura da Homossexualidade

             O Projeto de decreto legislativo do deputado federal João Campos (PSDB), que é entendido como tentativa de "cura da homossexualidade", não fere apenas o princípio constitucional básico da dignidade humana, garantida amplamente no artigo 5º da Carta Magna da Nação, como também entra em contradição com a vida abundante requerida pelo Criador, revelada plenamente na afirmação de Jesus: “Eu vim para que tenham vida e a tenham em abundância”. (Jo. 10,10).
                Dado o fundamento bíblico da acolhida ao próximo, onde está o motivo para a patologização da homossexualidade, se essa é tão comum e normal quanto à heterossexualidade ou ainda a bissexualidade. De fato, no Antigo Testamento existia a pena de morte para o homossexual (Lv. 20,13), mas em Jesus, selo da nova e eterna aliança, toda Lei se resumiu no amor ao próximo.
                É inaceitável que no maior país cristão do mundo, ainda se mata seus semelhantes e irmãos de diferentes formas (físicas e psicológicas), fruto de uma insegurança sem precedentes acerca da sua sexualidade. Além de tudo, décadas de conquistas pelo respeito ao homossexual estão ameaçadas.
                Nesse Planeta que é um cisco cósmico na imensidão do Universo, existe espaço para todos, inclusive para as pessoas que queiram constituir suas famílias da maneira convencional. Em meio a tudo isso, o que mais importa é que “Deus não faz acepção de pessoas”. (Rm. 2,11).
        
Texto original "Polêmica" publicado no Jornal O Popular / 06 de março de 2012 - Ano 73 - Nº 21.248.



CADASTRE-SE GRATUITAMENTE
Você poderá votar e deixar sua opinião sobre este texto. Para isso, basta informar seu apelido e sua senha na parte superior esquerda da página. Se você ainda não estiver cadastrado, cadastre-se gratuitamente clicando aqui