Busca: 

Apelido:

Senha:


Esqueci minha senha
 
  Área do autor

Publique seu texto
  Gêneros dos textos  
  Artigos (641)  
  Contos (940)  
  Crônicas (724)  
  Ensaios (169)  
  Entrevistas (35)  
  Infantil (217)  
  Pensamentos (651)  
  Poesias (2528)  
  Resenhas (131)  

 
 
Passagens-01-007
Airo Zamoner
R$ 104,00
(A Vista)



Abstrato-03-772
Airo Zamoner
R$ 104,00
(A Vista)






   > MEU SABIÁ



Luiz C. Lessa Alves
      POESIAS

MEU SABIÁ

MEU SABIÁ
 
Sob a sombra da mangueira,
Fico sempre a escutar
O maravilhoso canto
De um lindo sabiá.
 
Vez por outra ele voa
Para noutra árvore pousar...
Tua ausência me consome,
Volta, volta sabiá!
 
Sinto falta do teu canto,
Quase sempre a soluçar...
Dize-me tu por que choras,
Quando cantas, sabiá?
 
Se lhe falta algum carinho,
Ou alguém que o saiba amar...
No meu peito há um ninho
De amor pra ti, sabiá!
 
Se a sorte não me trair
E o destino não me roubar,
Nas grades do coração
Hei de prender-te, sabiá!
 
Oxalá, Deus, eu não morra
Nem venha a perguntar:
"Onde canta triste agora,
O meu lindo sabiá?"
 
Enquanto aqui viver,
Lembranças eu vou levar
Da sombra da minha mangueira
E do canto do sabiá!


CADASTRE-SE GRATUITAMENTE
Você poderá votar e deixar sua opinião sobre este texto. Para isso, basta informar seu apelido e sua senha na parte superior esquerda da página. Se você ainda não estiver cadastrado, cadastre-se gratuitamente clicando aqui