Busca: 

Apelido:

Senha:


Esqueci minha senha
 
  Área do autor

Publique seu texto
  Gêneros dos textos  
  Artigos (651)  
  Contos (939)  
  Crônicas (730)  
  Ensaios (169)  
  Entrevistas (35)  
  Infantil (202)  
  Pensamentos (640)  
  Poesias (2496)  
  Resenhas (129)  

 
 
Poética do Caos
Nilza Amaral
R$ 39,70
(A Vista)



Ensaios - Filosofia...
Maicon Martta
R$ 36,90
(A Vista)






   > O que se esconde sob as máscaras dos protestos?



Amarilia Teixeira Couto
      ARTIGOS

O que se esconde sob as máscaras dos protestos?

O que se esconde sob as máscaras dos protestos?


Abaixo os partidos políticos!
Nenhum partido me representa!
Vamos acabar com o Congresso Nacional!
Político é tudo igual!
Vamos fazer uma campanha para anular o voto!
Abaixo os sindicatos!
Quero o povo no poder!
Com a massa ninguém pode!
Tá tudo dominado!
Vamos construir um novo país!
O Brasil não tem escolas!
O Brasil não tem saúde!
O Brasil está no CTI!
Abaixo a Copa das Confederações!
Abaixo a Copa do Mundo!
Abaixo todos os times de futebol!
o Futebol é o ópio do povo!
Abaixo o Axé!
O preço dos abadás é um absurdo!
Sou contra o Funk!
Presidente pra quê?
Vamos derrubar tudo!
Nós temos a força!
Não precisamos de liderança!
O povo unido pode tudo!
Ódio aos políticos!
Vamos acabar com o carnaval!
O povo não sabe votar!
O povo é ignorante!
O Gigante acordou!
O gigante está faminto!
Abaixo todos os poderes da nação!
Viva o povo nas ruas!
Não à PEC 37
Viva o pessoal mascarado!
Quero o Joaquim Barbosa para presidente!

Viva a turma do face que fica mandando todos para as ruas, mas que não enfrenta nenhum perigo!

É claro que as frases supracitadas não resumem os protestos. A maioria está participando de forma pacífica e cidadã. O problema é que não se pode esperar muito de um movimento que não tem foco.Que reivindica desde as coisas mais sensatas e urgentes às mais bizarras, assumindo um perigoso conteúdo de ultra-direita.

Quem conhece história um pouquinho sabe que o Fascismo de Mussolini e o Nazismo de Hitler começaram mais ou menos assim. Não podia existir divergência de pensamento.Só podia existir um partido político. Bandeiras nas manifestações, só de seu país, pois o nacionalismo era exacerbado e utópico. Qualquer semelhança com os movimentos atuais? Deixo a pergunta.

A beleza das manifestações está perdendo feio para a intolerância e a arrogância. Confesso que as máscaras me incomodam.Confesso que a proibição de bandeiras nos protestos me incomoda. Até porque a rua é pública. Será que em meio aos protestos os skinheads e outros grupos que desejam ressuscitar o Nazismo não estão presentes?Alguém pode afirmar?

O que mais me preocupa são as montagens absurdas e as mensagens de cunho nazi-fascista que estão sendo compartilhadas febrilmente.As pessoas não interpretam as mensagens.Tá todo mundo dominado.E isso é assustador.A turma que acordou agora não quer perder tempo.Aliás,o jovem geralmente não quer perder tempo.E a gente sabe que infelizmente "o apressado come cru". Se as lideranças do MPL já deram entrevista e interromperam o movimento, quem continua comandando essa imensa massa? Um Anonymous?

Tenho saudades de nossas lideranças que mostravam o rosto.


CADASTRE-SE GRATUITAMENTE
Você poderá votar e deixar sua opinião sobre este texto. Para isso, basta informar seu apelido e sua senha na parte superior esquerda da página. Se você ainda não estiver cadastrado, cadastre-se gratuitamente clicando aqui