Busca: 

Apelido:

Senha:


Esqueci minha senha
 
  Área do autor

Publique seu texto
  Gêneros dos textos  
  Artigos (641)  
  Contos (940)  
  Crônicas (724)  
  Ensaios (169)  
  Entrevistas (35)  
  Infantil (207)  
  Pensamentos (651)  
  Poesias (2525)  
  Resenhas (129)  

 
 
Objetos-02-126
Airo Zamoner
R$ 104,00
(A Vista)



Entardecer em Porto...
Ingrid Regina...
R$ 66,42
(A Vista)






   > Dona do Meu Ser



Aleilton Guimarães Silva
      POESIAS

Dona do Meu Ser


 
Quem é essa que não me deixa mais viver?
Se acordado, se dormindo,
Se sóbrio ou embriagado continuo a pensar em você.
 
Entrou na minha vida sem pedir licença.
Causando embaraços.
Destruindo a minha essência.
 
Já não sei mais quem sou.
Se vivo por mim.
Ou pelas sobras do teu amor.
 
Se o amor é lindo, porque tanta maldade?
Desde que ele me possuiu.
Vivo em uma eterna calamidade...

                                                        Aleilton Guimarães Silva


CADASTRE-SE GRATUITAMENTE
Você poderá votar e deixar sua opinião sobre este texto. Para isso, basta informar seu apelido e sua senha na parte superior esquerda da página. Se você ainda não estiver cadastrado, cadastre-se gratuitamente clicando aqui