Busca: 

Apelido:

Senha:


Esqueci minha senha
 
  Área do autor

Publique seu texto
  Gêneros dos textos  
  Artigos (651)  
  Contos (939)  
  Crônicas (730)  
  Ensaios (169)  
  Entrevistas (35)  
  Infantil (202)  
  Pensamentos (640)  
  Poesias (2496)  
  Resenhas (129)  

 
 
Os filhos di dora
Carlos Augusto Vieira
R$ 67,40
(A Vista)



Geométricas-01-025
Airo Zamoner
R$ 104,00
(A Vista)






   > Se não houvesse o se



Lucas Eduardo dos Santos Rosa
      PENSAMENTOS

Se não houvesse o se

Caso nenhum poeta o tenha cantado, 
Sempre teria tempo de faze-lo agora: 
Ah! Que mundo solidário e belo seríamos se as teorias fossem súditas da prática. 

Se as teses dos arquitetos brotassem dos canteiros de obras; 

Se os economistas avaliassem suas engenhocas tecnocráticas à mesa dos famélicos; 

Se os médicos dedicassem prioritariamente seu tempo aos que sofrem a doença por falta de atendimento à saúde; 

Se os jornalistas buscassem sempre a verdade; 

Se os advogados priorizassem a verdade; 

Se os governantes passassem a ser subordinados aos que permanecem como irremissíveis deserdados sem adjetivos; 

Se a maioria dos juízes e dos catedráticos, pretensos guardiões da justiça e do saber imparciais, apeassem de seus olimpos elitistas, sentissem o cheiro do povo, suas angústias, e descobrissem porque, pelos pobres, nunca os sinos dobram. 

Que bom seria se a ciência fosse neutra; 

Que bom seria se a tecnologia privilegia-se a vida; 

Que bom seria se os "anos novos" não fossem feitos por nós repetidamente velhos; 

Que bom seria se isto tudo que me veio a cabeça agora fosse improcedente! 
 


Biografia: 
Florianópolis, 24-01-2001 Carlos Roberto Bicca, 67 anos, economista com especialização em administração e marketing.



CADASTRE-SE GRATUITAMENTE
Você poderá votar e deixar sua opinião sobre este texto. Para isso, basta informar seu apelido e sua senha na parte superior esquerda da página. Se você ainda não estiver cadastrado, cadastre-se gratuitamente clicando aqui