Busca: 

Apelido:

Senha:


Esqueci minha senha
 
  Área do autor

Publique seu texto
  Gêneros dos textos  
  Artigos (651)  
  Contos (939)  
  Crônicas (730)  
  Ensaios (169)  
  Entrevistas (35)  
  Infantil (204)  
  Pensamentos (640)  
  Poesias (2501)  
  Resenhas (129)  

 
 
O PREGADOR
REGIS MEIRELES
R$ 37,30
(A Vista)



Passagens-01-007
Airo Zamoner
R$ 104,00
(A Vista)






   > Menina-Mulher



Elisabeth Silva de Almeida Amorim
      POESIAS

Menina-Mulher

A boneca  foi substituída  pelo sutiã
Não tem mais casinhas para montar
Há no olhar uma aflição
Uma menina- mulher inquieta
O corpo vive a chamar.
 
E a menina-mulher obedece
As batidas aceleradas do coração
Desfaz das brincadeiras infantis
Troca o amigo pelo namoradinho...
Entre  a dúvida  que assola
Despedaça sua emoção.
 
 
Quer um beijo? Um abraço?
Uma menina-mulher que aflora.
A mulher  decidida aparece
E expulsa para sempre a menina.
E a fantasia vai embora.
                  
              E. Amorim

8 de Março, Dia Internacional da Mulher



CADASTRE-SE GRATUITAMENTE
Você poderá votar e deixar sua opinião sobre este texto. Para isso, basta informar seu apelido e sua senha na parte superior esquerda da página. Se você ainda não estiver cadastrado, cadastre-se gratuitamente clicando aqui