Busca: 

Apelido:

Senha:


Esqueci minha senha
 
  Área do autor

Publique seu texto
  Gêneros dos textos  
  Artigos (651)  
  Contos (939)  
  Crônicas (730)  
  Ensaios (169)  
  Entrevistas (35)  
  Infantil (204)  
  Pensamentos (640)  
  Poesias (2501)  
  Resenhas (129)  

 
 
O SEGREDO DA PEDRA AZUL...
JORGE ANDERSON SILVA
R$ 56,10
(A Vista)



Enquanto o Coração de...
Douglas Renato Palmeira
R$ 58,00
(A Vista)






   > ESTOU À SUA ESPERA



beneditocglima
      POESIAS

ESTOU À SUA ESPERA

Aqui sentado na calçada
da Rua da Solidão
Deixo o meu pensamento vagar
Entre as linhas do meu sofrer
Enquanto a Lua Minguante
Desconfiada nem aparece
Nas fímbrias de minha prece
E assim desolado,
Um pobre Poeta
Caminha na réstia da fumaça que passa
Por sua imaginação.
Mesmo assim aindaa estou à sua espera,
Pois sei que voltará.
Então nesse dia,serei o cara mais feliz
Os pássoros vão cantar sua melodia
Enquanto a  Poesia se transcreve nas nuvens.

CADASTRE-SE GRATUITAMENTE
Você poderá votar e deixar sua opinião sobre este texto. Para isso, basta informar seu apelido e sua senha na parte superior esquerda da página. Se você ainda não estiver cadastrado, cadastre-se gratuitamente clicando aqui