Busca: 

Apelido:

Senha:


Esqueci minha senha
 
  Área do autor

Publique seu texto
  Gêneros dos textos  
  Artigos (641)  
  Contos (940)  
  Crônicas (724)  
  Ensaios (169)  
  Entrevistas (35)  
  Infantil (217)  
  Pensamentos (651)  
  Poesias (2529)  
  Resenhas (131)  

 
 
A Secretaria do Oeste
Evaldo Cassol
R$ 43,20
(A Vista)



Hora-atividade
Maristela Zamoner
R$ 21,10
(A Vista)






   > Mulher, pérola rara (homenagem a Mulher)



Arlete Meggiolaro
      POESIAS

Mulher, pérola rara (homenagem a Mulher)

Mulher,  Pérola Rara!...

 

 

Abre a ostra...

o choro, o riso

na porta cegonha rosa,

nasce a menina rechonchuda e cheirosa.

 

 

Inicia vida...

engatinha, caminha,

brinca de casinha,

panelinha, amarelinha.

 

 

Menina moça,

corpinho delineado,

cabelo longo, moldura do rosto rosado.

 

 

Sem malicia o coração agita,

o garoto  passa,

a pele arrepia.

 

 

A cruel TPM,

na mão um “M”,

poderia ser de Maria de Jesus

ou de Madalena da paixão,

na certa é de  “menstruação

 

 

De debutante  a estreante,

diploma, carreira,

sonhos, ilusão, desilusão,

amor, paixão,

comichão, 

o ventre concebe.

 

 

É mãe, é pai,

é amante,

é mestra e regente,

é executiva,

ativa e produtiva

é gente.

 

O Universo inala e exala

Sua essência da Feminidade,

Mulher,

Pérola Rara,

da Criação e Procriação!

 

(c)Arlete Meggiolaro

formatado:

 

*

 



CADASTRE-SE GRATUITAMENTE
Você poderá votar e deixar sua opinião sobre este texto. Para isso, basta informar seu apelido e sua senha na parte superior esquerda da página. Se você ainda não estiver cadastrado, cadastre-se gratuitamente clicando aqui